Reportagem Especial: Estatuto da Criança e do adolescente (ECA) 18 anos.

 

Visando a segurança e os direitos de todas as crianças e adolescentes do Brasil.

Visando a segurança e os direitos de todas as crianças e adolescentes do Brasil.

 

 Veja em destaque tudo sobre a comemoração dos 18 anos do Eca.

 

Reportagem Especial: 18 anos do Estatuto da Criança e adolescente.

 Este ano o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completou 18 anos. Ele surgiu para dar proteção á criança através de amparo legal, afim de que toda criança e adolescente tenham direito a sua infância, educação, moradia, etc.

 ** Servimos de modelo aos paises os quais qualificamos como de primeiro mundo.
 

Um dia de lazer entre pais e filhos

  

  Pais modernos se preocupam com o crescimento e desenvolvimento de seus filhos 
  
Pais modernos procuram cada dia mais arrumar um tempinho para curtir seus filhos

Pais modernos procuram cada dia mais um tempinho para curtir seus filhos

 Como buscar lazer e diversão que satisfaça tanto os pais quanto os filhos. As crianças querem a todo o momento entretenimento, mas nem sempre os pais podem acompanhá-las porque tem que seguir sua vida normal de trabalho. Mas o importante mesmo é que os pais sempre tenham um tempo, mesmo que pouco, de se divertir com seus filhos, pois um dia de lazer apenas que os pais reservam para ficar com eles (os filhos) brincando é fundamental para o desenvolvimento da criança, tanto para ela adquirir confiança como segurança. E para esse dia de lazer valer a pena o que não falta são opções para se divertir, como por exemplo, ir ao cinema, parques, soltar pipa, fazer um piquenique, andar de bicicleta, etc. O importante é a família se divertir unida.  

 

Renan Boreges, 12 anos

Renan Borges, 12 anos

 

“Adoro sair com meus pais para qualquer lugar onde a gente possa se divertir, o importanteé ter a companhia deles, eles são muito animados e nem parecem ser meus pais, às vezes (risos). Conta o estudante Renan Borges, 12 anos.

 

  

 

 

Familia Borges gostam de curtir juntos, todos os finais de semana

Família Borges gostam de curtir juntos, todos os finais de semana

“Durante a semana fica um pouco complicado eu pegar meus filhos para nos divertir-mos, até porque o tempo é bastante curto pra mim e para eles também, mas nos fins de semana sempre buscamos sair juntos em família para aproveitarmos o tempo nos divertindo e matando a saudade que é acumulada durante a semana”. Disse a empresária Célia Borges, 41 anos.  

 

Ouça o depoimento da empresária Célia Borges.  

  

 

 

Professor Miguel Americo, 29 anos

Professor Miguel Américo, 29 anos

  

 

 “No dia-a-dia às vezes os pais não tem como sentar e brincar com os filhos. Nas férias e principalmente nos fins de semana isso pode ser uma boa pedida”, diz o professor de educação física Miguel Americo, 29 anos.

 

 

 

 

 

 

Professora Sandra Marques

Professora Sandra Marquês, 36 anos

  “Às vezes o pai compra o brinquedo ou manda o filho para aulas de esportes, mas não fica lá ao lado dele para aproveitar. E a presença dos pais muitas vezes é fundamental para a auto-estima da criança”, defende a pedagoga, doutora em Educação, Sandra Marques, 36 anos.

 

 

 

 

Veja mais imagens, onde famílias relatam á felicidade de ser bons pais.

Imagens de pais que se dedicam á seus filhos

 

Ser criança é achar que o mundo é feito de fantasias, sorrisos e brincadeiras.

Ser criança é achar que o mundo é feito de fantasias, sorrisos e brincadeiras.

I Semana Jurídica

  

Palestrante de abertura
Palestrantes de abertura

                      

Segurança Pública no Século XXI

 
Por Elisandra Rebouças

 

 

No dia 06 de novembro de 2008, a Coordenadora do curso de Direito da Faculdade JK/Anhanguera, Ruth Raquel, abriu a I Semana Jurídica com o tema: “Segurança Pública no Século XXI”.

 

Reunidos no auditório do Centro Educacional Leonardo da Vinci, em Taguatinga, alunos de direito, jornalismo e diversas autoridades locais, como o Procurador Geral de Justiça do DF, Leonardo de Azevedo, o Promotor de Justiça Cláudio Henrique Portela, o professor Eduardo Parente, Diretor Executivo da Faculdade JK e o Defensor Público Rafael Carvalho, participaram do evento.

 

Convidado para falar sobre “Segurança Pública”, o Defensor Público Rafael Carvalho atraiu dezenas de estudantes de direito para o local. “A participação da sociedade na segurança pública tem a intenção de formar uma polícia comunitária, isso quer dizer, fazer com que os agentes de segurança convivam com a população de fato”, declarou Rafael.

 

 

Ao falar sobre a participação social na segurança pública, o palestrante afirmou que não adianta o governo apenas investir na compra de viaturas. “É preciso uma maior interação com as pessoas. O policial é um tipo de segurança da sociedade que está ali para defender e promover os direitos humanos”.

 

Rafael falou ainda sobre a aquisição de armas não-letais para as polícias. “Esse é um grande investimento onde se evita balas perdidas e reduz em muito a perda de uma vida. A arma de fogo é usada apenas se não tiver outra saída mesmo”, finalizou.

Alunos de Direito e Jornalismo, assistem a palestra.
Alunos de Direito e Jornalismo, assistem a palestra.

 

   Palestrantes do 1º dia da Semana Jurídica 

Ouça entrevista na integra: Com Rafael Carvalho e  Ten.Cel Jahir Lobo Rodrigues, Batalhão Judiciário – PMDF

Entrevista com Rafael Carvalho de Sá Roriz, Defensor Público

Ten.Cel Jahir Lobo Rodrigues

Veja a fotoreportagem na íntegra,

 Palestrantes do 1º dia da Semana Jurídica
 

Sites de relacionamento

 

web_messengers_home1

A influência das redes sociais na vida das pessoas

Com a globalização e o desenvolvimento tecnológico, o universo virtual agora faz parte do ambiente familiar. E essa revolução modifica a educação, o trabalho e a forma na qual a sociedade se organiza, diminuindo as distâncias entre lugares e pessoas. Por isso os jovens são o público alvo da internet, pois, os relacionamentos virtuais demonstram na fase da adolescência uma possibilidade de “refúgio”, diante dos problemas.

Hoje a rapidez e a eficiência com que os sites de relacionamento nos proporcionam é uma coisa sem igual. A partir do momento que a pessoa estiver on-line a comunicação se torna praticamente instantânea com todas as outra que também estiverem on-line, permitindo assim encontrar novas amizades ou até mesmo aquelas amizades antigas na qual a pessoa já tinha perdido contato.

Para a maioria dos usuários, os sites de relacionamento servem na maior parte do tempo como laser, caso do Orkut, MySpace, MSN, Last.fm, Facebook, etc. No entanto, algumas pessoas procuram aumentar a utilização desses sites para outras finalidades que não seja só diversão. Muitos jovens classificam a internet como algo indispensável para a vida deles.

Alguns ficam um pouco distantes do mundo real, por não ser aceito no mundo virtual.”Quando eu não tinha Orkut, ou nem mesmo o MSN, meus amigos zombavam de mim”, afirma a estudante Estefani de Brito, 13 anos.

Já outros ficam viciados nesses sites atrás de algum fuxico, novidade, ou alguma coisa que faça ela se sentir incluída dentro desse mundo virtual. “Olho o que os meus amigos fazem (no Orkut, todas as mudanças de páginas de uma pessoa são comunicadas a seus “amigos”) e até já achei a foto do meu marido em uma festa, posta na Internet por um amigo dele”, confessa a promotora de eventos Caroline Farias, 24 anos.

“Pra falar a verdade nunca usei esses sites de relacionamento, mas tenho um cyber café e sei que os meus clientes usam bastante, mas se acabasse por mim seria uma boa. A idéia de criar essas comunidades para se relacionarem foi ótima, mas o ser humano põe maldade em tudo, e em tudo querem tirar vantagem. Por mim se tirassem do ar seria uma ótima. As pessoas têm que pensar em criar coisas pro bem, o mundo está cada vez pior.”, essa é a opinião do microempresário Cláudio Freitas, 37 anos.

Segundo a psicanalista Rita de Castro, os jovens não vêem a tecnologia como algo independente, pelo contrário consideram parte da vida. Por esse motivo se sentem deslocados. Esses usuários devem tomar muito cuidado com seu perfil na rede, pois com o avanço tecnológico, as empresas contratantes ficam observando tudo sobre o candidato via web.

“Depois de muito tempo a procura da minha cara-metade, finalmente a encontrei, da forma mais inusitada possível, pelo menos para mim. Nunca imaginei utilizar um site de relacionamentos para isso, mas enfim, foi através desse site que encontrei o Glauber, grande amor da minha vida. Ficamos noivos em janeiro desse ano e nosso casamento está marcado para dezembro próximo”. Disse a estudante Dorotéia Carvalho, 29 anos.

Veja essa Foto reportartagem de alguns Sites de Relacionamento

 Site de Relacionamento

Pauta – Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA

É um conjunto de normas do ordenamento jurídico brasileiro que tem o objetivo de proteger a integridade da criança e do adolescente.

 PAUTA: Estatuto da Criança e do Adolescente – ECA  

1. Repórter: Elisandra Rebouças 

2. Editoria: Direito/Justiça 

3. Assunto: Educação/ Direitos/Deveres  

 

4. Enfoque: Pesquisar o próprio estatuto da Criança e Adolescente, crimes e informações cometidas contra crianças e adolescentes, o reconhecimento dos direitos da criança e do adolescentes no Direito brasileiro.

 6. Questões Importantes: 

 Base da doutrina, Concepção político-social ,Infração, Apreensão ;Internamento ; Crimes e infrações cometidas contra crianças e adolescentes ;Políticas públicas ; Mecanismos de participação ; O reconhecimento dos direitos da criança e do adolescente no Direito brasileiro ,Descrição.

7. Fontes: sites 

8. Recursos Multimídia:   

Fotos: Sim

  Ilustrações/gráficos:não 

Áudio: não

 Vídeo: sim 

 9. Intertextos (links para textos relacionados, dentro do próprio site): Sim

 10.Indicações de sites (Saiba mais): Sim

 11. Memória (matérias já publicadas sobre o assunto, na web): Sim 

 12. Recursos de Interatividade (comentário, fórum, enquete, fale conosco): Sim

 

 

 

 

 

Pauta Larissa

 

 

 

PAUTA: Um dia de lazer entre pais e filhos 

 

1. Repórter: Elisandra Rebouças

 

 

2. Editoria: Cidades

 

 

3. Assunto: Diversão/Entretenimento

 

 

4. Enfoque: Pesquisar dicas de lazer nos finais de semana entre mães e filhas, lembrando de lugares acessíveis.

 

 

5. Informações preliminares: ?

 

 

6. Questões Importantes: Fácil acesso; gastar pouco; lugar seguro; e que garanta diversão para a criança.

 

 

7. Fontes: Mães; Filhas; Dono do estabelecimento.

 

 

8. Recursos Multimídia:

 

 

Fotos: Sim

 

 

Ilustrações/gráficos: Não

 

 

Áudio: Sim

 

 

Vídeo: Não

 

 

9. Intertextos (links para textos relacionados, dentro do próprio site): Sim

 

 

10.Indicações de sites (Saiba mais): Sim

 

 

11. Memória (matérias já publicadas sobre o assunto, na web): Não

 

 

12. Recursos de Interatividade (comentário, fórum, enquete, fale conosco): Não

Justificativa de voto

                                                                                   
Vota brasil, é melhor Justificar do que pagar multa

Vota brasil, é melhor Justificar do que pagar multa

A votação é obrigatória para todos os cidadões brasileiros. Em Brasília não possui eleições municipais, mas existe a justificativa de votos para aqueles que residem no Distrito Federal e seu título eleitoral é de outro estado.  O prazo de justificativa para não votar é de 60 dias a contar da data da eleição, ao cartório da sua Zona Eleitoral para justificar sua ausência. Se não o fizer ou se a justificativa não for aceita pelo Juiz Eleitoral, deverá pagar multa arbitrada por esse Juiz. Lembre-se que ao não votar você paga uma multa de R$ 3,50 por cada eleição que você não votou e nem justificou (vale 1º e 2º turno, se houver). O problema maior é que se  passar em um concurso público, você não pode assumir o cargo se não estiver em dia com o serviço eleitoral. Após pagar a multa, poderá votar normalmente e, quando você procurar seu cartório, irão atualizar seus dados (endereço) e talvez te convidem a trabalhar de graça nas próximas eleições. 
 
Justificar também é legal

Justificar também é legal

 Veja a fotoreportagem na íntegra, sobre a justificativa de votos:                 

 Justificativa de votação 2008

Confira a entrevista com o eleitor Alípio Marques Viana:
 Alípio Marques Viana – Eleições 2008